Marca SóBahêa

Marca SóBahêa

sábado, 16 de janeiro de 2016

Rápido e Caceteiro (6)

Campanha na Copinha: os mais pessimistas podem dizer que só pegamos galinha morta até agora ou que nenhum jogador aparenta ser um craque, de fato nossos adversários foram times sem expressão nacional e nossos jogadores não demonstraram que serão craques fora de série no futuro. Entretanto, é impossível não se surpreender com a desenvoltura da molecada do Sub-17 Tricolor nos confrontos com os times do sub-20, a diferença física a favor dos mais velhos deveria estar predominando, entretanto o que temos visto é um belo espetáculo da garotada do Esquadrãozinho. Em 5 jogos, foram 4 triunfos, 18 gols pró, 6 gols contra, além dos expressivos números, o time tem demonstrado uma maturidade superior a esperada para a idade com boa consciência tática, o que tem permitido um futebol produtivo e solidário, no qual vários jogadores aparecem para concluir e marcar gols. Se é certo que não tem nenhum grande craque no elenco, não tenho medo de afirmar que, em breve, alguns terão chances no profissional, destaco o lateral direito, Edmundo, o esquerdo, Alisson, ambos apoiam bem e sabem o que fazer quando chegam à linha de fundo; e o centro-avante, Geovane Itinga, que mesmo perdendo muito gol, está sempre presente e tem uma presença de área surpreendente para a idade, lembra Nonagol. Vejam os vídeos e tirem suas conclusões sobre nosso time:

Esquadrãozinho 5 x 0 Desportivo Aliança/AL: https://www.youtube.com/watch?v=9P0_ETYsf40
Esquadrãozinho 5 x 3 Sabiá: https://www.youtube.com/watch?v=c3aIkCUAV0w
Esquadrãozinho 4 x 1 Desportiva/PA: https://www.youtube.com/watch?v=sGeMdLJjQ-0
Esquadrãozinho 4 x 1 Araxá/MG: https://www.youtube.com/watch?v=fLUmoLIeW60

Aconteça o que acontecer contra o Flamídia, o treinador Edson Fabiano está de parabéns pela forma que o time se apresentou. Por sinal, o jogo de amanhã merecerá um post neste blog.

Primeiros esboço do profissional: os sites e jornais dão conta de que Doriva começa a armar o time tricolor, para os saudosistas, entraremos no 4X3x3, mas nas palavras do treinador o time jogará no 4x2x3x1, variando para o 4x1x4x1, a depender do desenrolar do jogo. É cedo para comentar o esquema e os jogadores que estão sendo escalados, mas preocupa que mantemos a mesma e frágil defesa do ano passado, Cicinho, Róbson, Gustavo e JP, nem preciso falar que o ponto mais fraco da cadeia é Ciscandinho (ano passado, este jogador me passou a impressão de está sempre fora de forma, por isto o futebol não rendia, espero que seja só isto, e com uma pré-temporada adequada, o futebol reapareça); e uma surpreendente titularidade de Romulesma com Juninho no banco, primeiro que os números de Juninho, apresentados no post anterior, o credenciam a ser titular, e segundo porque o time vai ficar com uma marcação frágil no meio-campo, o que não é problema contra o Juazeirense, mas certamente será contra o Santinha. Contudo, é só a primeira semana de treino, vamos ver o que o futuro nos reserva.

Saída de alguns jogadores: os leitores mais antigos sabem que este blog não é de notícia, mas sim de análise, por isto especulações não passam de meras especulações aqui, nunca sendo tratadas. Por isto, enquanto as mesmas davam conta da saída de Jailton e Valongo, não nos pronunciamos, mesmo desejando a permanência do último, que mostrou ser um jogador útil ao elenco. Entretanto, o informe nos jornais da saída de Maxi e Ávine merece pelo menos um breve comentário. Acho que por motivos distintos a Diretoria acerta nos dois casos, Maxi é um jogador de custo x benefício muito alto, pois ganha bem e produz pouco, aparece muito no jogo, mas rende pouco, segundo dados do footstats perdeu incríveis 176 bolas na Série B 2015; para cada finalização certa, deu duas erradas (16 x 32), ou seja muito pouco para um atleta que ganha estratosféricos R$ 180 mil, segundo a imprensa. 
No caso de Ávine, entendo que ídolos são necessários e precisam ser preservados, assim nosso último grande ídolo não merece se expor e se queimar com a torcida como estava acontecendo em 2015, quero ter na lembrança o Ávine de 2005-2011, aquele que encantou a torcida, o autor do último gol da saudosa velha Fonte Nova, um dos pilares da triunfante campanha de 2010. Para quem não leu, recomendo a leitura de "Quem se importa com a Copa do Brasil", post deste blog em homenagem ao grande Ávine. Este é o craque que queremos ter na memória: https://www.youtube.com/watch?v=zh5TZXnoSgk. Irmão siga seu caminho e seja feliz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezados leitores, todos os comentários são bem vindos e enriquecerão as discussões. Entretanto, solicito moderação, evitando termos agressivos e acusações sobre jogadores, comissão técnica e direção do Esquadrão.
Solicito também respeito aos demais leitores, não sendo permitido postar xingamentos.
Os comentários que não atenderem as recomendações acima não serão aprovados.