Marca SóBahêa

Marca SóBahêa

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

O defeito de sempre e boas novidades

Como diz o ditado, uma foto vale mais que mil palavras, por isto, mesmo enfrentando limitações de acesso e usando softs inadequados, este blog busca sempre trazer lances que ilustram aspectos importantes da partida. Neste post, abordaremos um lance que mostra a fragilidade da nossa zaga em bolas aéreas, e alguns lances ofensivos que mostram a importância de um meia com visão de jogo. Como se pode ver nas imagem, todos os lances tiveram como fonte a transmissão da TV Bahia, e foram extraídos no globo.com.

1- bola aérea:  o lance aconteceu no final do primeiro tempo, com o Juazeirense colocando a bola na trave. Alguns pontos me chamam atenção, na primeira imagem, Hayner dá todo espaço do mundo para o cruzamento; PR é o jogador que está no primeiro pau, logo ele que é o mais baixo; DP não marca ninguém, está olhando o nada na marca do pênalti; mais dois jogadores marcam o vento; e Gustavo e Róbson estão lá no segundo pau acompanhando os zagueiros deles. Ou seja, com este posicionamento fica difícil a zaga cortar a bola mesmo.




Na segunda imagem, nota-se  que os 4 jogadores do time do norte do estado encontram-se livre na entrada da pequena área, Gustavo e Róbson são facilmente ultrapassados; DP e os que marcam o vento continuam perdidos; e PR não acompanha o jogador. 




Erro coletivo que infelizmente se repete rotineiramente, no segundo tempo teve outro bem parecido (infelizmente, não achei o lance). Na minha opinião, além de jogador, nossa zaga necessita de alguns treinos específicos urgente. 

2- visão de jogo: na minha opinião, DP foi o melhor jogador do nosso meio, com movimentação constante, ganhando as bolsa rebatidas pela defesa adversária e sempre lúcido nos passe, até aqui, uma grata surpresa. Contudo, os lances aqui destacados chamam atenção para a visão de jogo e capacidade de lançamento de Juninho, e, pasmém, Romulesma. No primeiro lance, Juninho enxerga EJ atrás da zaga e dá um balãozinho, deixando nosso avante livre para dominar e cruzar, na sequência do lance, o próprio Juninho perde o gol.


 No segundo, Romulesma enxerga Luisinho livre pela ponta direita e faz um lançamento de uns 30 metros, permitindo ao atacante entrar livre e concluir a jogada.
 


 3- metida (lá ele) de bola: como sempre critico Romulesma por sua apatia em campo, nada melhor que fazer justiça quando ele entra ligado e fazendo assistências, o que se espera de um meia. Na imagem anterior, vimos um bom lançamento dele, agora veremos duas bolas rasteiras que deixaram EJ e Luisinho na cara do gol. Em ambos os casos, Romulesma demonstrou uma precisão de passe até então desconhecida da torcida tricolor, que venham mais lances destes.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezados leitores, todos os comentários são bem vindos e enriquecerão as discussões. Entretanto, solicito moderação, evitando termos agressivos e acusações sobre jogadores, comissão técnica e direção do Esquadrão.
Solicito também respeito aos demais leitores, não sendo permitido postar xingamentos.
Os comentários que não atenderem as recomendações acima não serão aprovados.