Marca SóBahêa

Marca SóBahêa

domingo, 14 de março de 2021

Derrota mais que justa: Rival 1 x 0 Bahia

Logo de cara é preciso admitir que o Rival, mesmo com um time de garotos, entendeu melhor o que é jogar um clássico e nos dominou os 90 minutos de jogo. Ditaram o ritmo, tiveram a bola e foram mais perigosos.

Quem leu o último post aqui do Sobahêa deve lembrar que, apesar dos 7x1 sobre o Campinense, alertei para problemas graves no time que poderiam nos complicar em jogos mais disputados.


Começando pela proteção à zaga, ontem mais uma vez ficou evidente que não podemos expor nossos zagueiros ao um contra um. Mas, o que fez Dado, recuou Patrick para fazer o terceiro zagueiro, o que concordo, mas pôs na frente da zaga João Pedro e Rodriguinho, era mais que certo que ficaria um buraco por ali e ficou. Mas, pela deficiência técnica do adversário, tivemos a falsa impressão que o esquema funcionou, mas bastava alguém do nosso time perder a bola na saída para o ataque, que o buraco na frente da nossa zaga aparecia escancarado, o gol foi assim e a melhor chance deles no primeiro tempo também.


Novamente, nosso meio e ataque não criou nada, sendo este um problema crônico do Bahia há tempos, agravado ontem pela péssima atuação individual de alguns atletas, entre eles as duas estrelas da companhia Rodriguinho e Gilberto. Se a intenção de Dado era JP triangular pelo lado com Nino e Rossi, temos de reconhecer que foi um fracasso. A entrada de Daniel - não entendo o porquê de não se firmar entre os 11 - melhorou um pouco devido à sua movimentação, mas não o suficiente para o Bahia incomodar o goleiro deles.


Agora um problema que a DE precisa resolver, nosso banco é muito fraco, não tem como mudar o panorama de uma partida com as opções ofensivas que lá estão. Já disse e repito, nada contra a meninada, pelo contrário, sou favorável a utilização dos mesmos, mas não dá para tê-los como únicas opções, acreditando que eles vão mudar e ganhar um jogo que estamos em desvantagem.


Por fim, a postura do Bahia foi tão sonolenta que escrevi o que segue em alguns grupos de zap no intervalo do jogo "O Bahia tem de jogar, ficou só olhando. Aí os caras acertam um chute e fode o baba". Se eu que sou um mero torcedor percebi isto, não é admissível o time ter repetido no segundo tempo a mesma postura displicente de quem se acha superior e que pode ganhar quando quiser. 


Mantivemos a base do elenco e começamos o ano na CNE com um empate e uma derrota para times inferiores mas que souberam se impor sobre o Bahia, acorda DE, a A está logo ali.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezados leitores, todos os comentários são bem vindos e enriquecerão as discussões. Entretanto, solicito moderação, evitando termos agressivos e acusações sobre jogadores, comissão técnica e direção do Esquadrão.
Solicito também respeito aos demais leitores, não sendo permitido postar xingamentos.
Os comentários que não atenderem as recomendações acima não serão aprovados.